ÚLTIMAS RCM

  • Entrevista: Valter Duarte integra musical com estreia para junho, em Londres
  • António Manuel Ribeiro, vocalista UHF, em entrevista à RCM
  • Márcio Amaro: Da Camacha para o mundo da música
  • Colares de "Maios" (vídeo)
  • Sylvia a cantar "Até ao infinito". Oiça a entrevista
  • Maria Leal entrevistada na Rádio Cantinho da Madeira
  • Roni de Melo: Do Brasil para Portugal
  • Nelo Ferreira: de Matosinhos para o Mundo.
  • Já validou as faturas no Portal das Finanças? Conheça os prazos.
  • Valter Duarte: "The Villain".
  • Vozes do Atlântico - Max. Recorde o vídeo.
  • Dias da Festa: Gastronomia na Venezuela
  • Dias da Festa: regresso dos "embarcados"
  • Dias da Festa: Dia da Imaculada Conceição
  • Dias da Festa: Sinais do Natal
PUB

Adeus Varanda do Cais

  • DATE 30/07/2017

"Adeus varanda do cais

Onde o meu bem embarcou

Foram os olhos mais lindos

Que as ondas do mar levou."

O texto é da tradição popular madeirense. Reflete o fenómeno migratório na Região Autónoma.

O Cais do Funchal foi, em outros tempos, local improvisado de chegadas e partidas. Os barcos iam para bem longe, em viagens terríveis e quase intermináveis com destino às Antilhas, Brasil, Estados Unidos, Venezuela, África do Sul, Austrália e mais tarde Europa.

Uma viagem em busca do sonho de encontrar uma vida melhor. As facilidades de emprego noutros países incentivavam a passar dias, semanas ou até meses até chegar ao destino.

Em terra, os lenços brancos a acenar e as lágrimas de quem fica na Ilha por vontade própria.

Os que partiam na aventura deixavam a promessa de um dia regressar com alguma fortuna.

"Virão um dia, ricos ou não

Contando histórias de lá longe

Onde o suor se fez em pão,

Virão um dia, ricos ou não,

Virão um dia, ou não" 

(Manuel Freire, "Eles")

Não existe um género musical popular específico sobre a emigração.

No entanto, aparecem referências à emigração nas quadras improvisadas dos despiques.

Recordamos a história de Manuel Costa que cedo partiu para a África do Sul a bordo de um navio deixando para trás família e amigos.

 

 

Lido 4957 vezes Última alteração em terça-feira, 23 março 2021 00:06
Tagged under:

Artigos relacionados

Visitantes

18398567
Hoje937

Associação Cultural e Recreativa Cantinho da Madeira
NIPC 517 099 950
Registo na ERC: 700067

Descarregue as nossas APP´s
para iOS e Android

Top
Aviso! Este site utiliza cookies para melhorar e personalizar a navegação dos utilizadores. More details…